Como escolher Vibrador: um guia ideal para te ajudar a escolher

O Vibrador, apesar de estar entre os “queridinhos” das mulheres, ainda gera muita polêmica. Se a masturbação continua sendo um tabu, então imagina quando se fala de vibradores?

O Vibrador é um dos acessórios mais procurados do ramo erótico, independente da nacionalidade, idade (desde que maiores de 18 anos ou sexo.

A busca é tanta que existem diversos modelos e formatos. Em contrapartida, ainda existe tabu sobre a compra desses produtos. Tanto que a primeira informação que é procurada em um sex shop é se a embalagem é realmente discreta.

Atualmente as pessoas conseguem se comunicar de qualquer parte do mundo, uma viagem internacional que antes levaria 50 dias, pode ser feita em um avião no mesmo dia. Há uma crise de petróleo na Rússia, e em poucos minutos, as ações de petroleiras nacionais são afetadas. O que queremos mostrar com isso, é que muitas coisas mudaram nos últimos 30 anos.

Comprar produtos de sex shop, assim como vibradores. Já foi um ato muito condenável no passado. Houve uma época em que as mulheres eram doutrinadas a crescerem para se tornarem boas esposas. Deixando a felicidade em segundo plano, agora imagina o prazer?

Vibrador em um mundo novo

Contudo, muita coisa mudou! Hoje em dia as mulheres possuem os mesmos direitos que os homens, tanto no trabalho como na vida social. Além disso, o empoderamento feminino tornou-se um termo cada vez mais comum.

Portanto, já está mais do que na hora de baixar a guarda e se abrir a esse universo tão excitante que é o mercado de produtos eróticos. Dessa forma, sua vida sexual poderá dar uma guinada com esses brinquedos eróticos que podem ajudar a dar mais prazer na hora de se entreter sozinha, ou mesmo acompanhada.

Motivos para ter um não faltam! São muitos os benefícios que esses estimuladores podem causar, dentre eles: Treinamento do corpo para ter orgasmos mais facilmente, conhecer seu próprio corpo e saber onde e como tem mais prazer na hora H.

Resumindo: Os vibradores são sempre uma excelente forma de chegar ao orgasmo, mesmo quando a mulher não está a fim de um sexo a dois.

Vibrador (Foto: Thinkstock)

Quais são os tipos de vibradores?

Existem dezenas (ou talvez centenas) de formatos diferentes de vibradores. Para escolher o modelo ideal, primeiro é preciso entender saber como utilizá-los.

Outro fato importante é que existem modelos à pilha ou recarregáveis. Ambos possuem vantagens e desvantagens, por isso o ideal é entender qual o propósito do vibrador e ver qual se encaixa melhor ao seu perfil.

Basicamente os vibradores podem ser considerados internos ou externos. Dentre eles os mais comuns são:

Externos

  • Bullets ou cápsulas vibratórias
  • vibrador ponto g
  • vibrador golfinho
  • personal
  • varinha mágica ou magic wand
  • vibrador batom
  • vibrador clitoriano
  • anel peniano com vibrador

Internos

  • butterfly ou borboleta
  • rabbit
  • Vibrador rotativo
  • Pênis vai e vem
  • vibrador em formato de pênis
  • massageador com dupla vibração
  • plug anal com vibração
  • pênis com vibração em cyberskin
  • pênis vibratório de borracha
  • vibrador recarregável

Os vibradores externos (ou clitorianos) são vibradores que causam excitação através do contato entre o vibro e o clitóris, mas sem penetração. Como muitos já sabem, o clitóris é a parte do corpo feminino com a maior quantidade de terminações nervosas.

Possui praticamente o dobro do pênis, por isso os vibradores que atuam sobre o clitóris fazem tanto sucesso. Porque é uma forma de prazer incontrolável.

Além dos vibradores de clitóris, também é bastante comum o uso de modelos voltados ao ponto G. Pois esses possuem uma curvatura na ponta para que a mulher ou seu parceiro, consigam alcançar esse ponto que também traz muito prazer à mulher.

Outra opção é a “varinha mágica”. Ela tem uma vibração muito mais intensa que os vibradores normais, possui um tamanho avantajado ou para adequar a bateria interna, nos modelos recarregáveis, ou por conta dos componentes eletrônicos. Esse tipo de vibrador, também conhecido como Magic Wand, também pode ser utilizado para massagem corporal nas “preliminares”.

Já os vibradores internos, como o nome já diz, são voltados para a penetração. Eles podem ser para penetração vaginal, anal ou os dois.

Além disso, muitos modelos além de penetrar, também possuem sobressalências para estimulação externa e interna ao mesmo tempo. Dentre esses, os mais famosos são os rabbits e rotativos.

Outro tipo muito procurado são os realistas. Estes vibradores possuem formato de pênis, para simular o sexo entre homem e mulher. E por isso, são encontrados em diversos tamanhos e formatos.

De que eles são feitos? 

Não somente os vibradores, mas todos os produtos eróticos precisam ser testados para que não agridam a pele ou causem alergia.

Alguns dos materiais mais comuns são plástico abs, silicone, borracha, metal. Não são só os modelos que variam, mas também os materiais de que são feitos. Pois existem diversos materiais: acrílico, metal, plástico e látex.

Além desses materiais, também existe o cyberskin, que é um material criado pela nasa para simular a pele humana. Então a sensação ao toque é extremamente realista.

Não existe muito segredo para o uso dos vibradores! Antes de mais nada, não esqueça de lavar com higienizador antes de usar. Caso não tenha um específico, limpe com  água e sabão neutro.

Leia o manual!

Uma dica valiosa é sempre ler o manual, muitas pessoas acabam danificando os vibradores, muitas vezes por apenas não ter lido o manual. Lembrando que alguns modelos podem custar mais de mil reais. Então não vale a pena correr o risco de invalidar a garantia do produto para economizar uns 5 minutinhos da leitura.

Outro fator importante é que além de eliminar o risco de danificar o vibrador por mau uso, lendo o manual corretamente você também irá tirar maior proveito das funções do seu produto.

Como dito anteriormente, existem dezenas, senão centenas de modelos diferentes. E muitos deles possuem diferentes usos, portanto ler o manual é a forma mais garantida de tirar total proveito do seu brinquedinho.

Além disso, a higienização correta dos vibradores é tão importante quanto o seu uso. Pois só assim você irá garantir um maior tempo de vida útil do mesmo, e não correr riscos de ter alguma alergia por usar ele sem a limpeza adequada.

Todo vibrador deve ser limpo antes e depois do uso. Antes para evitar que alguma poeira ou sujeira que tenha ficado durante o tempo guardado tenha contato com suas partes íntimas. Como depois para matar as bactérias e guardá-lo limpo.

Limpeza dos produtos

Existem produtos de limpeza diferentes para cada tipo de material. Portanto, é sempre importante consultar sua vendedora ou manual. Desta forma, você saberá o produto adequado para a limpeza do brinquedo erótico adquirido.

Outro ponto importante é a armazenagem. Muitos produtos eróticos, principalmente àqueles que utilizam materiais tecnológicos, como é o caso do cyberskin, correm o risco de causar uma reação química em contato com outros materiais. O que pode causar inclusive incêndios se forem guardados juntos.

Portanto, sempre guarde seu produto na embalagem original, e se não tiver, pergunte em um sex shop qual a melhor forma de guardar. Contudo, NUNCA deixe em contato com outro material sem saber antes se esse contato não irá danificar os produtos ou mesmo causem riscos à saúde.

Além disso, o uso de lubrificantes com o uso de vibradores é muito importante, pois diminuem o atrito com as partes íntimas. Também é importante saber se o tipo de lubrificante escolhido pode ser usado com aquele produto ou mesmo se não vai causar alergia.

Uma dica é, na dúvida, escolha um lubrificante a base d’água. Pois esses são os que possuem menores chances de causar alergia, ou mesmo danos aos produtos.

Vibrador (Foto: Thinkstock)

Não gostou? Use o vibrador de outras maneiras

Mesmo que tenha pesquisado bem o produto, e na hora do uso não tenha gostado com aquele propósito. Não é necessário descartar o produto.

Um vibrador pode causar prazer, mesmo que seja usado de forma diferente do seu projeto inicial. Um exemplo: um personal voltado para a penetração que não tenha agradado a sensação, pode ser um excelente estimulador de clitóris. Dessa forma, a dica é reinventar o produto e encontrar uma forma de encontrar o prazer.

Para descobrir novas sensações, toque o corpo todo com ele, sinta as reações e descubra em quais partes o vibrador dará mais prazer.

Consulte sua vendedora

Se mesmo depois de todas as dicas ainda ficar com dúvidas de qual produto adquirir, consultar uma vendedora de sex shop é o ideal. Pois elas costumam estar sempre por dentro das novidades e dos produtos que mais agradam suas clientes.

Mas é importante lembrar que cada pessoa tem gostos e sensações únicas, então não deixe de se basear em suas opiniões e gostos pessoais na hora de escolher o modelinho mais adequado.


Gostou da matéria? Deseja saber mais sobre produtos eróticos e como comprá-los, visite nosso blog ou loja virtual: https://www.pimentinhasexshop.com.br ou pelo Whatsapp (22) 99754-5124

Pimentinha Sex Shop

Empresa inovadora no ramo de sex shop virtual na região dos lagos - RJ com entrega em até 24h. Além disso, enviamos nossos produtos para todo o Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: